domingo, 2 de outubro de 2011

RECONHECENDO A VOZ DE DEUS



Imagine que você esteja num lugar desconhecido e que só há uma pessoa que você conheça, digamos que esteja a viagem com alguém e tenha comprado um pacote turístico. Os passeios começam pela manhã e uma van vai até o lugar em que os turistas estão e você está lá esperando e o seu amigo ou amiga está a uma certa distância. De repente alguém chama pelo seu nome e a princípio você não reconhece a voz e automaticamente pergunta se foi seu amigo que te chamou e ele diz que não, a pessoa chama de novo e você busca quem te chamou mas você não encontra, não reconhece a voz. Nisso a pessoa se apresenta dizendo que era do seu tempo de escola e aquela amizade é retomada naquele instante. E a partir de então toda vez que aquela pessoa chamar pelo seu nome você saberá que é ela. Isso pode parecer banal ou simplório, mas o Senhor chamou a Samuel por três vezes e ele não sabia que era Deus quem falava, achava que era Eli, o sacerdote. (1 Samuel 3:4-6) O versículo 7 diz que Samuel ainda não conhecia o Senhor, por isso não reconhecia a sua voz.

Será que reconhecemos a voz de Deus quando Ele chama pelo nosso nome?

Não estaríamos confundindo a voz Dele com a de outra pessoa? e ao invés de estar fazendo a vontade Dele estamos fazendo a vontade dos homens ou quem sabe pior, do inimigo.

Para reconhecer a voz é necessário que se conheça a pessoa. Deve haver um relacionamento contínuo. Porque pode ser que um dia você já teve um relacionamento maior com Deus e por algum motivo deixou de ter. É o mesmo que você ter um amigo da infância e naquele tempo era super amigo ai com o tempo vocês tomaram caminhos diferentes (ai de nós tomar um caminho diferente do Senhor e nos distanciar Dele) e de repente ele te reconhece na rua e chama pelo seu nome, bem capaz de você não atender ou se atender ficar procurando e perguntar: Quem está me chamando? Posso dizer que comigo isso já aconteceu. 

Nossa relação com o Senhor deve ser diária e sem interrupção para que toda vez que Ele nos chamar estejamos atentos e prontos para ouvir, nesse relacionamento a Sua voz é inconfundível e mesmo que o inimigo tente nos enganar não conseguirá pois reconhecemos a voz do nosso amado.

A partir daquele momento em que Deus chamou por Samuel, ele passou a ter um relacionamento com o Senhor e reconhecia sua voz toda vez Ele lhe falava. O versículo 19 do mesmo capítulo diz:

Enquanto Samuel crescia, o Senhor estava com ele, e fazia com que todas as suas palavras se cumprissem. 

Só com muita oração, meditação da Palavra é que conseguiremos manter esse relacionamento tão precioso e necessário para nossa caminhada com Deus para pode dizer quando Ele nos chamar:

_ Pode falar meu Senhor, estou Te ouvindo! 

Nenhum comentário:

Postar um comentário